Home Contec Online Coronavírus: cardíacos, diabéticos e hipertensos devem redobrar os cuidados, diz especialista

Coronavírus: cardíacos, diabéticos e hipertensos devem redobrar os cuidados, diz especialista

0
169
Diabéticos e cardíacos devem tomar mais precaução contra o novo coronavírus

Diabéticos e cardíacos devem tomar mais precaução contra o novo coronavírus

Um infarto e o enfisema pulmonar já deixaram o produtor musical Jeová Guimarães, 64, em alerta. A ida ao pneumologista no dia 16 de março confirmou que este era o caminho, não ir a lugar algum.

‚ÄúNo dia 15, domingo, eu j√° fiquei com medo de sair. Na segunda-feira, eu tinha um m√©dico, o meu pneumologista, e ele mandou voltar imediatamente e ficar dentro de casa. E assim eu estou at√© hoje‚ÄĚ, disse ele.

As pessoas com problemas cardíacos ou diabetes representam uma parcela significativa dos brasileiros e fazem parte de um grupo mais vulnerável ao novo coronavírus. De acordo com o ex-presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcus Bolívar Malaquias, cerca de 30% da população adulta do país sofre de pressão alta; de 8% a 10% têm diabetes; e cerca de 5% possuem outros problemas cardíacos.

‚ÄúEles n√£o t√™m um risco aumentado para a doen√ßa e, sim, para as complica√ß√Ķes da doen√ßa. Ent√£o devem evitar o cont√°gio para previnir essas complica√ß√Ķes. Mas √© bom dizer que essas pessoas n√£o est√£o no mesmo patamar de risco. Os hipertensos correm menos perigo. Os indiv√≠duos com diabetes e com doen√ßa card√≠aca j√° estabelecidas, t√™m risco maior de complica√ß√£o, assim como as pessoas que t√™m doen√ßas pulmonares, pois sabemos que o ‚Äúcovid‚ÄĚ ataca muito a fun√ß√£o pulmonar‚ÄĚ, falou ele.

Uma informação que assustou hipertensos, cardíacos e diabéticos foi a de que o coronavírus poderia ser mais perigoso para estes grupos, por causa dos remédios. O doutor Marcus Bolívar faz questão de ressaltar que quem não está contaminado não tem que parar com a medicação.

‚ÄúTodas as associa√ß√Ķes m√©dicas recomendam que as pessoas devem continuar tomando seus rem√©dios. A falta deles pode agravar a doen√ßa card√≠aca. E, no caso de esses indiv√≠duos contra√≠rem a doen√ßa, esses medicamentos t√™m uma a√ß√£o curta. A interrup√ß√£o desse rem√©dio deve ser avaliada pelo grupo m√©dico e n√£o trar√° maiores consequ√™ncias‚ÄĚ , falou ele.

Isolamento internacional

Marcus Bolívar está estudando em Boston, no Estados Unidos, com a mulher e o filho em isolamento social. Os congressos, as aulas, palestras agora são realizados virtualmente.

‚ÄúTodo trabalho continua, mas em ‚Äėhome office‚Äô, com um n√ļmero imenso de reuni√Ķes virtuais. Alguns dos cursos foram cancelados, outros, transformados em virtuais. Mas o trabalho continua, mesmo √† dist√Ęncia‚ÄĚ.

E, em tempos de novo coronav√≠rus, mesmo o contato com a fam√≠lia tem que ser desse jeito: √† dist√Ęncia. Bol√≠var lembra que deve-se evitar a aproxima√ß√£o a outras pessoas.

‚ÄúEssa reclus√£o em casa, embora dolorosa e que pode trazer problemas psicol√≥gicos, evita a exposi√ß√£o ao micro-organismo, que pode estar em qualquer lugar. Em lugares onde h√° menos densidade de pessoas, corre-se menos risco. Ficar em casa √© a recomenda√ß√£o”, disse.

Jeov√° Guimar√£es lembra que a internet se tornou importante aliada nesta crise.

‚ÄúImagina se a gente n√£o tivesse a internet? Como √© que voc√™ iria fazer se isso fosse l√° nos anos 1970? Que loucura que ia ser isso? Hoje, eu converso com meus netos, com meus filhos. E se n√£o tivesse isso? Nossa! A√≠ seria um Deus nos acuda‚ÄĚ, disse.

Diretoria Executiva da CONTEC

Sugest√£o

Justiça manda agências bancárias de Curitiba fecharem a partir desta quinta

Ag√™ncias do bancos Santander, Banco do Brasil, Ita√ļ, Bradesco, Caixa Econ√īmica Federal, Ba…