Home Informe por Banco Banrisul Lucro recorde do Banrisul cresceu 28,2% em 2019

Lucro recorde do Banrisul cresceu 28,2% em 2019

0
135

Conforme balanço financeiro de 2019, banco estatal lucrou R$ 1,344 bilhão, 28,2% a mais do que em 2018 (Por Jefferson Klein)

Crescimento nas receitas de tarifas bancárias, estabilidade nas despesas administrativas, redução da margem financeira e menor fluxo de despesas de provisão para créditos de liquidação duvidosa fizeram com que o Banrisul registrasse um lucro líquido recorde de R$ 1,34 bilhão no ano passado. O desempenho representa um incremento de 28,2% em comparação ao período anterior.

Se for levado em conta o lucro líquido ajustado pelos eventos extraordinários (como provisões devido a ações judiciais e questões tributárias), o resultado do banco em 2019 foi de R$ 1,27 bilhão, uma elevação de 16,2% em relação a 2018. O presidente do Banrisul, Claudio Coutinho, destaca que uma estratégia correta e adotada ainda na gestão do ex-governador José Ivo Sartori foi focar em operações dentro do Rio Grande do Sul e reavaliar as iniciativas fora do Estado. Ele recorda, por exemplo, que o banco chegou a ter agência em Fortaleza, no Ceará.

O dirigente ressalta que parte da diretoria do Banrisul já estava no banco na gestão anterior. “Eu diria que é uma continuidade com aperfeiçoamento”, frisa Coutinho. Para 2020, entre as medidas que a instituição tomará, enfatiza o dirigente, está a busca da redução de despesas e a maior eficiência operacional. Nesse sentido, está sendo feita uma avaliação de agências que podem ser fechadas e fundidas com outras.

Já foi definido que seis agências na grande Porto Alegre irão encerrar suas atividades e serão unidas a outras, com o remanejamento de seus funcionários, outras três, na mesma região, virarão postos bancários (uma redução da estrutura) e mais três no interior gaúcho, sendo uma em Caxias do Sul, também serão fundidas. Essas ações ocorrerão ainda neste ano. Coutinho antecipa que deverá ser pequeno o número total de agências que terão suas atividades cessadas e afirma que o município que contar com apenas uma unidade do Banrisul não terá esse estabelecimento encerrado.

Neste ano, o Banrisul também pretende aumentar seus investimentos em tecnologia. Em 2018, o Banrisul aportou R$ 298 milhões nessa área e, para 2020, o orçamento previsto nesse segmento é de R$ 406,3 milhões. A ideia é melhorar os processos já existentes, criar novos produtos e aprimorar os canais digitais da instituição. As operações feitas nos canais digitais do banco, no ano passado, representaram 54,5% do total realizado, contra 50,8% em 2018. Em 2019, os canais de Internet Banking e Mobile Banking tiveram 274,7 milhões de acessos, 34,8% superior ao ano anterior, equivalendo a uma média de 752,7 mil acessos diários.

Banco projeta crescimento de 9% a 13% na carteira de crédito
A carteira de crédito do Banrisul registrou saldo de R$ 36,2 bilhões em dezembro de 2019, crescimento de 6,2% ou R$ 2,1 bilhões nos 12 meses. O resultado é em decorrência, especialmente, da carteira comercial, que registrou saldo de R$ 27,5 bilhões, aumento de R$ 2,5 bilhões ou 9,8% em um ano. A carteira comercial pessoa física alcançou R$ 21,7 bilhões, representando um crescimento de 11,6% no mesmo período. O presidente do banco, Claudio Coutinho, informa que o objetivo para 2020 é atingir um crescimento da carteira de crédito na ordem de 9% a 13%.

No ano passado, o crédito ao agronegócio do banco registrou saldo de R$ 2,7 bilhões em dezembro de 2019, crescimento de 8,2% em relação a dezembro de 2018. Foram contratadas 31,6 mil operações, com volume total de crédito de R$ 1,9 bilhão. A rede de adquirência do Banrisul, a Vero, encerrou o mês de dezembro de 2019 com 145,3 mil estabelecimentos credenciados ativos em 12 meses, 4,7% superior ao apurado no final de dezembro de 2018. Em 2019, a Vero registrou 333,8 milhões de transações com cartões de débito e crédito. Em volume financeiro, o valor transacionado totalizou R$ 29,5 bilhões, expansão de 10,5% quando comparado ao ano de 2018.

A base de cartões de crédito do Banrisul, nas bandeiras Mastercard e Visa, alcançou 1,2 milhão de cartões no final de dezembro de 2019, o que representa crescimento de 13,1% em relação ao mesmo mês de 2018. Em 2019, os cartões de crédito emitidos pelo Banrisul possibilitaram a movimentação financeira de R$ 6,5 bilhões em 79 milhões de transações, que representam incremento de 22% e 23%, respectivamente, em comparação ao ano anterior.

Sobre a possibilidade de uma nova venda de a̵̤es do Banrisul, o dirigente afirma que essa ̩ uma deciṣo que cabe ao controlador do banco Рno caso, o governo do Estado. No entanto, ele considera que, como houve uma tentativa nesse sentido no ano passado, que ṇo foi adiante, para haver uma nova experi̻ncia ̩ preciso ter um fato novo, como uma mudan̤a na percep̤̣o dos valores das a̵̤es do banco.

Fonte: Jornal do Comércio

Diretoria Executiva da CONTEC

Sugestão

Centenas de emendas tentam mudar MP 905/2019 e debate volta a ser acirrado

A última audiência pública da comissão mista (deputados e senadores) que analisa a medida …