Home Informe por Banco Bradesco Sindicatos se reúnem com a gerente regional do Bradesco no vale do Paraíba

Sindicatos se reúnem com a gerente regional do Bradesco no vale do Paraíba

0
1,902

Sindicato de Guaratinguetá, São José dos Campos e Taubaté em reunião com a gerente regional Marilene Leite de Castro Silva

Na manhã de ontem (19/09), às 09:00h os representantes do Sindicato de Guará, o presidente Claudio Vasques e os diretores Francisco Cabral e Paulo Cordeiro, e os representantes do Sindicato de São José dos Campos, o presidente Geraldo dos Santos, a diretora Débora Machado, e do Sindicato de Taubaté, o presidente Casé e o diretor Sérgio Leite, se reuniram com a regional do Bradesco, Sra. Marilene e o Sr. Gilberto.

A reunião foi para reafirmar a disposição das entidades em manter o diálogo com o intuito de buscar soluções para os problemas dos funcionários do Bradesco na região.

Durante a reunião, pontos como aplicativos de celular (Whatsapp), assédio moral, discriminação, conduta, cobranças abusivas e excessivas de metas e demandas da região foram questionados.

Durante a reunião, os representantes dos sindicatos destacaram o crescente número de denúncias feitas pelos funcionários nos últimos meses, relataram ainda que funcionários de toda a região do vale estão adoecendo e sofrendo com a pressão diária que vem sendo imposta pela regional e pontuaram problemas como: cobranças excessivas por Whatsapp, fotos que os gerentes são obrigados a tirar durante visitas a clientes, discriminação de funcionários, demissão indevida, metas abusivas, entre outros.

Os dirigentes esclareceram que observaram a mudança de postura do banco frente ao mercado, mas que é preciso encontrar equilíbrio na forma de gestão, para que os funcionários não adoeçam e possam realizar seu trabalho com dignidade. “O objetivo do Sindicato é garantir condições de trabalho adequadas para os funcionários, nosso papel é buscar solução para os conflitos e garantir o bem estar dos bancários no cumprimento de suas atividades. Esperamos que a reunião de hoje resolva os problemas pontuados e melhore a pressão diária sofrida pelos bancários”, disse Geraldo Soares dos Santos, presidente do Sindicato de São José dos Campos.

“Ressaltamos que com esta forma de diálogo e debates é que nós iremos conseguir solucionar as nossas demandas, garantir os nossos direitos, principalmente manter as condições de trabalho, que é imprescindível para uma boa saúde física e mental e que o bancário tenha a sua privacidade garantida”, afirmou Claudio Vasques, presidente do Sindicato de Guaratinguetá.

Fonte: Sindicato dos Bancários de Guaratinguetá e Região

Diretoria Executiva da CONTEC

Sugestão

Plano de demissão voluntária do Banrisul tem adesão de 8,83% dos funcionários

O dado mais atualizado da instituição financeira gaúcha indica que o banco tinha em junho …