Início » Bradesco: Justiça determina reintegração de duas bancárias demitidas grávidas

Bradesco: Justiça determina reintegração de duas bancárias demitidas grávidas

postado Assessoria Igor

O Tribunal Regional do Trabalho da 15ª região, neste mês de fevereiro, determinou a reintegração das bancárias – Caroline Oliveira Colucci, do banco Bradesco de São Sebastião e de Camila Cristina Brito da Silva, do banco Santander,  agência Guararema. Conforme exames apresentados no processo, às bancárias se encontravam em período gestacional no momento da demissão.

Dessa forma, a justiça deferiu o requerimento de antecipação da tutela, devendo as funcionárias serem reintegradas no mesmo cargo, e mantida as mesmas condições de trabalho, inclusive quanto aos salários, quando da data da sua dispensa.  A decisão estabeleceu ainda, multa diária de R$1.000,00, limitada a R$ 50.000,00, em caso de descumprimento.

“Para nós diretores do Sindicato, é sempre uma satisfação quando temos sucesso em reverter demissões. Estes casos mostram a importância dos bancários buscarem  orientação no momento da demissão, só o Sindicato pode oferecer toda a assistência que o bancário necessita para não abrir mão de seus direitos. Em caso de demissão procure imediatamente o Sindicato”, orienta Marcus Vinícius Palmeira, diretor do departamento jurídico do Sindicato.

Fonte: Sindicato dos Bancários de São José dos Campos e Região

www.contec.org.br

Deixe um Comentário

Notícias Relacionadas