Início » Grupo de Trabalho CONTEC/CAIXA discute implementação do aditivo Saúde Caixa

Grupo de Trabalho CONTEC/CAIXA discute implementação do aditivo Saúde Caixa

postado Assessoria Igor

CAIXA APRESENTA RELATÓRIO 1 TRIMESTRE DE 2024, MAS NÃO AVANÇA NAS REIVINDICAÇÕES DOS EMPREGADOS E DEMORA NA IMPLANTAÇÃO NO ACORDADO EM DEZEMBRO QUANDO DO ADITIVO SAÚDE CAIXA APROVADO NA MAIORIA DAS ASSEMBLEIAS.

Em reunião conjunta do GT Saúde Caixa, terça-feira, dia 30 de abril, dando continuidade às negociações,  visando construir melhorias no plano de saúde dos empregados , a direção da Caixa , mais uma vez deixa de apresentar as reivindicações dos empregados . Não trouxe nada de concreto sobre os  pontos importantes como a volta das GIPES já acordadas no ultimo acordo assinado em dezembro de 2024, quando da realização das assembleias em todo o país,  onde ficou claro o recado dos empregados à  administração da empresa.  A direção da Caixa continua demonstrando desrespeito ao acordado, bem como com os assistidos do plano, vista que os empregados têm cumprido a sua parte no acordo com as novas mensalidades.

A Caixa informou que já está disponível no site saúde caixa (saudecaixa.gov.br) os relatórios relativos ao ano de 2023 com todos os dados para conhecimento dos empregados.   Desta forma as entidades representativas pedem aos empregados que busquem conhecer as informações prestadas pela empresa, de forma a contribuir com as mesmas,   subsidiando com sugestões e apontamentos.

Para o primeiro trimestre de 2024 uma das preocupações foi a continuidade de déficit já na casa dos 75 milhões, o que segundo a CAIXA,  atenua quando há existência de uma reserva técnica de 104 milhões.

Quanto aos novos credenciamentos para as entidades não trouxe novidades considerando que houve vários descredenciados e as informações não trazem o local onde ocorreram diante de realidades distintas em todo o território nacional.  Para os representantes a carência de credenciados é muito grande e está muito distante do que realmente os empregados precisam.

Com as informações recebidas despertaram preocupações no tocante a:

– redução no número de participantes do saúde caixa em 1,48%, onde dezembro de 2023 contávamos com  284.481 participantes , passando para 280.270 aproximadamente.

– o alto custo pago pelas internações e cirurgias, com medicamentos, materiais, etc. frente a despesa total do saúde caixa.

Para o GT é extremamente necessário avaliar os diversos convênios, confrontando com outros planos das empresas do setor público, bem como particulares, em tais procedimentos.

Outra cobrança do GT foi que , se tenha mais informações pormenorizadas sobre a frequência de exames, consultas, internações, pronto-atendimento, dentre outros, por grupos e regiões, viando atuar através da medicina por evidências, de forma proativa nos diagnósticos e soluções .  Sobre este ponto a Caixa nos informou que é importante e para que isto ocorra de forma mais concreta será necessário apurar mais dados para sua aplicação, o que já vem trabalhando para que seja uma realidade.

Ao final da reunião, os GT Contec/Contraf pediram a Caixa maior brevidade nas demandas, bem como nas solicitações de dados solicitadas.

www.contec.org.br

Deixe um Comentário

Notícias Relacionadas