Início » Auxílio Brasil: Bancos definem as taxas de juros do empréstimo consignado

Auxílio Brasil: Bancos definem as taxas de juros do empréstimo consignado

postado Assessoria Sarah

Embora ainda não tenham sido oficialmente divulgadas, já foi possível perceber que as taxas de juros do consignado do Auxílio Brasil serão maiores que as oferecidas neste mercado. De acordo com análise do mercado financeiro, a cobrança de juros deve ultrapassar 60% ao ano, maior do que os atuais 26% ao ano que são cobrados para segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

O grande diferencial do empréstimo consignado é justamente a possibilidade de conseguir taxa de juros menores, comparada aos outros produtos do mercado. Isso porque, o crédito é pago com desconto direto na folha de salário do solicitante, o que possibilita que não haja inadimplência. Mas, embora ainda não tenha sido liberado, o crédito para o grupo do Auxílio Brasil já está fora da curva.

De acordo com o portal IG, o mercado financeiro estima que para este público os juros cheguem a ficar acima de 60% no ano. O que pode aumentar o endividamento das famílias que já vivem em vulnerabilidade social, considerando que são grupos com renda mensal de no máximo R$ 205,00 por pessoa.

A lei que sancionou o empréstimo para o Auxílio Brasil permite que até 40% da renda das famílias seja comprometida com o pagamento do crédito. Isso significa parcelas de R$ 160,00 ao considerar o benefício de R$ 400,00 pago todos os meses. Restando R$ 240,00 para que estas famílias possam cumprir com os seus outros gastos.

Onde contratar empréstimo consignado do Auxílio Brasil

Grandes bancos estão negando a liberação do empréstimo consignado do Auxílio Brasil, por acreditarem que esta linha de crédito não é viável. Bradesco, Itaú, Santander e mais tarde o BTG negaram oferecer este produto para as famílias que vivem em vulnerabilidade social.

Enquanto isso, a Caixa Econômica e o Banco do Brasil devem ofertar esse produto, mas ainda não anunciaram a taxa. O Agibank, Banco PAN, e a financeira da rede de lojas Pernambucanas também anunciaram o interesse por essa linha. Inclusive já estão anunciando o produto a fim de chamar a atenção dos clientes.

Vale dizer, no entanto, que o empréstimo consignado do Auxílio Brasil ainda não está disponível. É preciso que o Ministério da Cidadania publique uma regulamentação autorizando as contratações nas instituições bancárias. A expectativa é que essa publicação seja feita nesta semana.

Fonte: fdr

www.contec.org.br

image_pdfimage_print

Deixe um Comentário

Notícias Relacionadas