Início » Previ fica no topo do “ranking dos rankings” do Bacen em 2023

Previ fica no topo do “ranking dos rankings” do Bacen em 2023

postado Assessoria Igor

O Banco Central divulgou no início de fevereiro o ranking dos rankings do Boletim Focus, o Top 5 anual, que premia as instituições que mais acertaram as projeções ao longo de 2023. A Previ foi ficou em primeiro lugar geral no ranking de IPCA curto prazo. Além disso, figurou dez vezes nos rankings divulgados mensalmente pelo Bacen, considerando o segundo lugar no ranking de projeções de taxa de desocupação referente ao quarto trimestre de 2023, divulgado dia 09/02.

Entre todas as 172 instituições que participam do ranking, a Previ foi a mais regular e que chegou mais próximo de acertar os índices de inflação mensal em 2023. Entre essas instituições constam bancos, gestoras de recursos, distribuidoras, corretoras e outros fundos de pensão e até mesmo empresas de consultoria econômica, cuja especialidade é projetar esses indicadores.

“Esse é o melhor resultado que já obtivemos desde que começamos a participar do Top 5, em 2016. O primeiro lugar anual reflete o melhor desempenho na média de 24 projeções que enviamos ao Bacen ao longo do ano. A dedicação do time da Previ das equipes de Macroeconomia e Inteligência de Mercado foi fundamental para alcançarmos esse resultado”, explicou a diretora de Planejamento Paula Goto.

Mas qual é a importância desse resultado para a Previ e para os associados? Prever as variáveis econômicas, em especial a inflação, é fundamental para a Previ planejar os investimentos. Um percentual grande da carteira dos planos de benefícios está investido em ativos relacionados aos índices de inflação, como os títulos públicos. Além disso, a meta dos planos também é corrigida pela inflação – ou seja, com a projeção correta é possível prever o aumento ou redução do passivo. Ter boas projeções é fundamental para o processo de planejamento e para a manutenção do equilíbrio dos planos no longo prazo.

Para o presidente João Fukunaga, essa premiação é motivo de orgulho: “Este ano a Previ completa 120 anos. Isso mostra que chegamos a esse marco preparados para caminhar por muitas décadas com solidez e segurança para os associados, em linha com nossa nova missão de garantir o pagamento de benefícios e prover soluções que proporcionem proteção aos associados e seus familiares, de forma integral, segura e sustentável”.

Como funciona a projeção de variáveis econômicas na Previ? 

Uma das atribuições da Gerência de Inteligência de Mercado, na Diretoria de Planejamento da Previ, é acompanhar, modelar e projetar os números esperados de inflação, câmbio, taxa de juros, atividade econômica, entre outros. Após coletar o máximo de informações, a equipe se reúne para debater quais são as trajetórias mais prováveis para essas variáveis.

Para conseguir um resultado tão expressivo, como ficar no 1º lugar em um Top 5 anual, os profissionais envolvidos cuidam dos detalhes dos modelos que projetam as variáveis macroeconômicas. Para isso, é necessário estar sempre pesquisando para entender cada vez mais a relação entre essas variáveis e, principalmente, acompanhar de perto todas as notícias e indicadores publicados, para interpretá-los e chegar a um número projetado para o próximo ano ou para o próximo mês. É como a produção de um filme, cujo resultado final é visto em poucas horas, mas precisa ser construída com diversos detalhes e levar diversos meses para ser concluído.

Fonte: Previ

www.contec.org.br

Deixe um Comentário

Notícias Relacionadas